[Resenha] A página certa, de Laplace Cavalcanti – Editora Ases da Literatura

Sem título-1Título: A página certa
Autor: Laplace Cavalcanti
ISBN: 9788591714315
Gênero: Ficção brasileira
Páginas: 225
Editora: Ases da Literatura
Cortesia do autor

SINOPSE:

Já na idade em que as mulheres geralmente estão casadas e planejando seu primeiro filho, Cláudia relaciona isso ao insucesso de sua carreira profissional. Afinal, quem compraria romances de uma escritora fracassada no amor? Para piorar, sua editora não renovou seu contrato. Desesperada sem saber que rumo tomar, a escritora recebe uma incomum proposta de um grande empresário.

Excêntrico, dramático e mesquinho – dentre outras “qualidades” que possui –, Renato quer a ajuda de Cláudia para encontrar uma mulher para casar. Apesar de estar certo que nenhuma mulher recusaria o grande partido que ele é, por não ser nada romântico, o empresário chega à conclusão que só a escritora de romances ilusórios sobre a fantasia do amor verdadeiro – segundo ele próprio – poderá ajudá-lo.

A proposta vai contra tudo o que Cláudia acredita, mas as contas estão se acumulando e seu corpo precisa mais que achocolatado e bolacha para sobreviver. Será que a escritora dará conta de cumprir esta missão quase impossível?

Resenha:

Cláudia é uma escritora de livros românticos, acredita no amor e que é possível encontrar a alma gêmea mas, sua vida não anda lá essas coisas. Além de achar que sua vida amorosa é um fracasso e se sentir uma farsa em relação ao que escreve por causa disso, sua editora resolve não renovar seu contrato. Totalmente desiludida, Cláudia busca o ombro amigo de Beatriz, dona do café onde Cláudia organiza suas tardes de autógrafos. Depois de uma acalorada discussão com seu ex-editor, Cláudia e Beatriz quase são atropeladas. E dessa maneira brusca e acidental que Cláudia conhece o excêntrico e arrogante empresário Renato e seu amigo e motorista Marcos, um leitor fã de seus livros. Depois de uma proposta pra lá de estranha, Cláudia se vê obrigada aceitar por não ter uma saída melhor para seus problemas financeiros.

Ler este livro foi uma verdadeira diversão. A página certa entrou para minha lista de preferidos.

Assim que iniciei a leitura e comecei a conhecer os personagens notei o quanto o autor foi cuidadoso em criá-los. Para ser sincera, a princípio, Renato me despertou certa antipatia pois cheguei a pensar que ele seria um daqueles personagens chatos, mas me enganei totalmente. Renato é mais que divertido. O autor conseguiu dosar perfeitamente o lado excêntrico com o espirituoso e isso o tornou cativante, e junto de Cláudia sua nova “assistente” me arrancaram boas risadas. Já Marcos é o verdadeiro cavalheiro, que também acredita no amor, amigo fiel e companheiro, simplesmente apaixonante. E Beatriz, que fala o que tem de falar doa a quem doer. Personagens encantadores que deram leveza à trama até o final.

A história é incrível, romântica e divertidíssima. Até personagens que pouco apareceram como Frederico e Nair, pais de Cláudia, se tornaram marcantes.

A narrativa é bem construída, o autor de maneira caprichosa dosou o romantismo com a diversão na medida certa fazendo com que a história se tornasse perfeita e harmoniosa. A escrita de Laplace é ágil, simples, cativante, capaz de prender o leitor do início ao fim.

Se eu gostei? Confesso que amei! Me diverti muito e me emocionei também. Foi como se eu estivesse o tempo todo entre amigos e dentro da história. Uma narrativa repleta de acontecimentos e reviravoltas com um final surpreendente.

Se emocione, se divirta e sonhe com o A página certa.

Recomendo!

A capa é muito bonita e transmite realismo, páginas amarelas ótimas para leitura. Bela edição.

 

Avaliação da obra
Data da avaliação
Minha nota:
51star1star1star1star1star

2 comments

Comente aqui... Agradecemos sua participação!