[News] Vem por aí… Esperando a hora de Stella, de Maria Dolores Wanderley

Olá leitores!!!

Muita emoção para quem gosta de poesias!!!! Olhem só que coisa mais linda!!! Além de poemas o livro contém colagens, apaixonada!!!

Vamos conhecer a obra e a autora:

esperando_capa_2016-07-11.inddUma jovem vinda de Natal, Rio Grande do Norte, chega ao Rio de Janeiro para estudar. Ela ainda não sabe que viverá muitos anos nesse novo lugar. Que se casará com um homem que a tomava por militante sandinista. Ou que se tornaria escritora e poeta. Acompanhamos a moça na cidade, seu olhar abismado para a beleza, os pivetes, o ritmo frenético, e também o silêncio inesperado numa rua perdida, numa fonte.

A vida na universidade é intensa e proporciona muitas descobertas, entre elas, o prazer de uma aula bem dada. Mas falar não é fácil, então, saem lindas poesias sobre As vértebras dos diasMúltiplos vaziosTúneisGirassóisPlumas.

Tento sustentar o lume dos dias.
Retirar, de dentro de mim, plumas.
Equilibrá-las em algum lugar sob o céu.
Saber que para além das nuvens, 
e dos raios, e dos medos e das preces,
há super-novas brilhando.
Como se a vida por si só 
pudesse alimentar-se 
de estrelas.

A partir do encontro marcante com Stella – elefante grande e pacífico que gosta de gente – ela se arrisca na prosa, em colagens caleidoscópicas e fotografias do espaço desse encontro.

Sobre a autora:

Maria Dolores Wanderley é professora na Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde leciona no Departamento de Geologia desde 1997. Organizou os ciclos de palestras Geologia Para Poetas I e II junto a Casa da Ciência da UFRJ (2004-2007). Publicou cinco livros de poesia, entre eles, Ao rés do chão (Ed. Lacre, 2013); um ensaio poético-fotográfico, O Livro sobre as formas: Um Olhar para os detalhes(organizadora, 2010); e dois livro de contos, entre eles, Paralelo 5 (Ed. Lacre, 2015). Em abril de 2016 fez uma exposição de colagens intitulada Andanças.

Espero que tenham gostado, eu simplesmente me apaixonei! 🙂

Comente aqui... Agradecemos sua participação!