[+ Cultura] Música | Justin Bieber e a reviravolta musical

Justin Bieber e a reviravolta musical

 

Antes de ser mal interpretada gostaria de deixar claro que não, eu não sou fã de Justin Bieber, muito pelo contrário, sempre critiquei as músicas e o comportamento deste rapaz. Mas hoje, assumo: suas novas canções estão mudadas.

O canadense adorado por adolescentes devido as canções melosas, românticas e o comportamento bad boy tornou-se popular em 2009 com os singles One Time, One Less Lonely Girl, Love Me e Favorite Girl. Desde então suas músicas marcam presença frequente nas paradas de sucesso.

Mesmo se envolvendo em diversas polêmicas com drogas, agressões, direção perigosa e muitas outras irresponsabilidades, Bieber nunca deixou de ser um ícone. Com uma volumosa franja caída no olho, roupas estilosas e o relacionamento amoroso com a atriz e cantora Selena Gomez, o jovem de 20 anos foi construindo sua carreira baseada em uma forte jogada de marketing.

Mas estou aqui para falar das músicas novas. Pois bem, desde o início da carreira, passando pelas músicas-chiclete Baby, Never Say Never e As Long As You Love Me, Bieber mostrou-se um cantor e compositor sem muita criatividade para produzir canções de qualidade. No início deste ano o cenário se alterou: Sorry, Love Yourself e What Do You Mean mostraram uma reviravolta musical na vida do garoto.

Justin Bieber Sorry

Todas essas músicas são do novo álbum Purpouse, lançado em 2015, e apresentam uma versão diferente jamais vista no jovem. Arranjos elaborados, voz suave e algumas outras características que tornam as canções um pouco chiclete, sim, mas desta vez um chiclete agradável. Algumas com flauta, outras com violão…

Em um vídeo no YouTube a humorista Jout Jout comenta este “probleminha” com a música Sorry. “Eu aprendi não gostamos de Justin Bieber, não é uma coisa que você gosta, é uma coisa que não gosta”, disse. E eu compartilho dessa opinião. É muito difícil assumir, mas a realidade é que as novas músicas do Justin Bieber estão legais, quando tocam no rádio eu aumento o som e até cogito baixar e colocar no meu pen drive para ouvir no carro.

Quem ainda não ouviu estas canções eu convido para esta experiência e adianto: as músicas irão grudar na sua cabeça. Mas é legal!

E vale a pena assistir ao vídeo da Jout Jout – ela é ótima.

 

Comente aqui... Agradecemos sua participação!